Formação básica

Em nossa prática militante, o estudo tem um lugar muito importante. No entanto, esse estudo muitas vezes é confundido com aquele feito nas universidades, que não é orientado para a atuação política, mas para o engrandecimento intelectual do indivíduo, que lhe garante um posto profissional e social. Isso porque, nessa modalidade de estudo, o indivíduo tem como resultado a aceitação dentro de um corpo científico e o diploma (de graduação, mestrado, etc.), o documento que atesta formalmente a sua capacidade de exercer uma profissão, seja ela dentro da pesquisa ou em outras áreas.

Tentando fugir dos vícios da academia, nosso programa de formação básico se estrutura a partir de três eixos:

  1. Desenvolvimento individual e coletivo de métodos de estudo, capacitando cada vez mais nossa militância para a apreensão de textos teóricos, habilidade que é condição para as outras no campo dos estudos;
  2. Acúmulo teórico das discussões já travadas no campo teórico-político,
    conhecendo as elaborações que dizem respeito ao campo marxista e às questões de sexualidade e identidade de gênero;
  3. Aprofundamento sobre a constituição do movimento LGBT, suas especificidades e necessidades locais, para melhor atuação política de cada núcleo.

Este cronograma de formação se arquiteta em 10 módulos, cujo conteúdo é gradual em
relação a profundidade e complexidade dos textos escolhidos. Abarca, a partir do Módulo II,
um grande número de artigos, livros, capítulos ou notas políticas.

Cabe enfatizar, sobretudo, que nenhum dos textos aqui elencados deve ser tratado como a linha oficial do Coletivo LGBT Comunista (com exceção dos textos assinados por nós). Este programa de formação básica se trata, antes de tudo, de um roteiro de estudo e discussão.

MÓDULO I – Primeiros passos para conhecer o Coletivo LGBT Comunista

Neste módulo, o objetivo é entrar em contato com o Coletivo, a partir de seu plano de atuação e da historicização das identidades homossexuais.

  1. Plano Nacional de Atuação do Coletivo LGBT Comunista (documento interno, restrito à militância);
  2. D’EMILIO, John. “O capitalismo e a identidade gay“;
  3. MARSIAJ, Juan P. Pereira. “Gays ricos e bichas pobres: desenvolvimento, desigualdade socioeconômica e homossexualidade no Brasil”;
  4. Notas políticas do Coletivo LGBT Comunista encontradas aqui no site.

MÓDULO II – Introdução ao marxismo

Neste módulo, o objetivo é entrar em contato, de forma introdutória, com o marxismo e o materialismo-dialético.

  1. NETTO, José Paulo. O que é marxismo?;
  2. KONDER, Leandro. O que é dialética?;
  3. NETTO, José Paulo. “Introdução ao método da teoria social”;
  4. LUKÁCS, György. “O que é o marxismo ortodoxo?”. In: História e consciência de classe.

MÓDULO III – Questão LGBT e marxismo – Parte I

Neste módulo, é feita uma primeira aproximação do debate LGBT no campo da luta pelo socialismo.

  1. D’EMILIO, John. “O capitalismo e a identidade gay”;
  2. PARTIDO SOCIALISTA DEMOCRÁTICO DA AUSTRÁLIA. Uma estratégia revolucionária para a libertação gay;
  3. CASTRO, Mariela. “A luta LGBT em Cuba”.

MÓDULO IV – Organização interna

Neste módulo, trata-se sobre questões de organização interna, desde a função do partido comunista até o papel do quadro na luta de classes.

  1. BOGO, Ademar. “Características de um quadro”. In: Organização política e política de quadros;
  2. BOGO, Ademar. “Política de quadros”. In: Organização política e política de quadros;
  3. CABRAL, Amílcar. “Aplicar na prática os princípios do partido”;
  4. MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. Manifesto do partido comunista;
  5. LÊNIN, V. I. O partido socialista e o revolucionarismo sem cunho partidário;
  6. LÊNIN, V. I. “Os métodos artesanais dos economistas e a organização dos revolucionários”. In: Que fazer?;
  7. LÊNIN, V. I. “Como iludir o povo com slogans de liberdade e igualdade”;
  8. CUNHAL, Álvaro. “O partido, a classe e as massas”. In: O partido com paredes de vidro;
  9. CUNHAL, Álvaro. “O grande coletivo partidário”. In: O partido com paredes de vidro;
  10. CUNHAL, Álvaro. “A democracia interna”. In: O partido com paredes de vidro;
  11. CUNHAL, Álvaro. “A disciplina, imperativo de ação e maneira natural de agir”. In: O partido com paredes de vidro;

MÓDULO V – Aprofundamento no marxismo – Ideologia

O objetivo deste módulo é introduzir o conceito de “ideologia”, central para as articulações no campo do marxismo, e para a compreensão dos próximos módulos.

  1. IASI, Mauro. “Reflexões sobre o processo de consciência”. In: Ensaios sobre consciência e emancipação;
  2. IASI, Mauro. “O problema da emancipação humana”. In: Ensaios sobre consciência e emancipação;
  3. CHAUÍ, Marilena. “A concepção marxista da ideologia”. In: O que é ideologia?

MÓDULO VI – Estratégia Democrático-Popular

Neste módulo, entrará em contato com a crítica à estratégia hegemônica da esquerda desde o pós-ditadura, podendo extrair dessa crítica diretrizes para uma melhor atuação dentro do campo da esquerda.

  1. MARTINS, Caio (et. al). Estratégia democrático-popular e um inventário da esquerda revolucionária. In: A estratégia democrático-popular: um inventário crítico;
  2. LAGE, Daniel. Elos da estratégia democrático-popular com a socialdemocracia: a atualização do Estado burguês. In: A estratégia democrático-popular: um inventário crítico;
  3. MARTINS, Caio. Duas cabeças, um corpo: partido, movimentos sociais e estratégia democrático-popular. In: A estratégia democrático-popular: um inventário crítico;
  4. FIGUEIREDO, Isabel Mansur. Lulismo e populismo: realização da estratégia democrático-popular e incompletude do capitalismo. In: A estratégia democrático-popular: um inventário crítico;
  5. IASI, Mauro. O inventário da estratégia democrático-popular e a busca de um caminho para a revolução brasileira. In: A estratégia democrático-popular: um inventário crítico.

Módulo VII – Pós-modernidade

Aqui, se deparará com a bibliografia que estuda a pós-modernidade, tendência ideológica hegemônica em nosso período histórico e com a qual, frequentemente, temos que disputar. Além disso, o objetivo é superarmos a mera enunciação do adjetivo “pós-moderno” como desqualificador de qualquer manifestação, compreeendendo-o em suas condições materiais, históricas e ideológicas.

  1. COUTINHO, Carlos Nelson. “O problema da razão na filosofia burguesa”. In: O estruturalismo e a miséria da razão;
  2. COUTINHO, Carlos Nelson. “A evolução do estruturalismo como ‘concepção do mundo'”. In: O estruturalismo e a miséria da razão;
  3. WOOD, Ellen Meiksins. “Em defesa da história: o marxismo e a agenda pós-moderna”;
  4. EVANGELISTA, João Emanuel. Teoria social pós-moderna: introdução crítica;
  5. DUARTE, Newton. “O bezerro de ouro, o fetichismo da mercadoria e o fetichismo da individualidade”. In: Crítica ao fetichismo da individualidade;
  6. DUARTE, Newton. “A rendição pós-moderna à individualidade alienada e a perspectica marxista da individualidade livre e universal”. In: Crítica ao fetichismo da individualidade.

Módulo VIII – Questão LGBT e marxismo – Parte II

Neste módulo, é aprofundada a questão trabalhada no Módulo III.

  1. BERKINS, Lohana. “O direito absoluto sobre os nossos corpos”;
  2. TOITIO, Rafael Dias. “Um marxismo transviado”;
  3. WOLF, Sherry. Sexualidade e socialismo.

Módulo IX – Aprofundamento na questão LGBT – A família

Central para a compreensão de gênero e sexualidade, a família é uma instituição histórica que opera na totalidade do capitalismo. Compreender o lugar dos LGBTs na sociedade exige compreender essa instituição, em seu desenvolvimento histórico.

  1. TOZONI REIS, José Roberto. “Família, emoção e ideologia”;
  2. LESSA, Sérgio. “A origem da família monogâmica”. In: Abaixo a família monogâmica;
  3. ENGELS, Friedrich. A origem da família, da propriedade privada e do Estado;
  4. LEACOCK, Eleanor. “Posfácio à edição estadunidense de A origem da família, da propriedade privada e do Estado“.

Módulo X – História do Movimento LGBT no Brasil

Neste módulo, estudamos a história do movimento LGBT, de modo a compreender a formação, estratégias e táticas do nosso movimento, além de compreender as questões principais com as quais ele lidou ao longo de sua história.

  1. TOITIO, Rafael Dias. “A assimilação da questão LGBT como política social no governo Lula”. In: Cores e contradições: a luta pela diversidade sexual e de gênero sob o neoliberalismo brasileiro;
  2. TOITIO, Rafael Dias. “Dilemas e retrocessos no governo Dilma”. In: Cores e contradições: a luta pela diversidade sexual e de gênero sob o neoliberalismo brasileiro;
  3. GREEN, J. N.; CAETANO, M.; FERNANDES, M.; QUINALHA, R. “40 anos do movimento LGBT brasileiro”. In: História do movimento LGBT no Brasil;
  4. QUINALHA, Renan. “Uma ditadura hétero-militar: notas sobre a política sexual do regime autoritário brasileiro”. In: História do movimento LGBT no Brasil;
  5. FERNANDES, Marisa. “Ações lésbicas”. In: História do movimento LGBT no Brasil;
  6. MACRAE, Edward. “Identidades homossexuais e movimentos sociais no Brasil da ‘Abertura'”. In: História do movimento LGBT no Brasil;
  7. NERY, João W. “Transmasculinos: invisibilidade e luta”. In: História do movimento LGBT no Brasil;
  8. COLLING, Leandro. “Impactos e/ou sintomas dos estudos queer no movimento LGBT”. In: História do movimento LGBT no Brasil;
  9. GREEN, James N. Além do carnaval;
  10. FACCHINI, Regina; SIMÕES, Júlio Assis. Na trilha do arco-íris: do movimento homossexual ao LGBT;
  11. FACCHINI, Regina. Sopa de letrinhas?: movimento homossexual e produção de identidades coletivas nos anos 90;
  12. TREVISAN, João Silvério. “A manipulação da homossexualidade liberada”. In: Devassos no paraíso.

Para ter acesso aos textos, envie uma solicitação para contato@lgbtcomunista.org.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s